Questões Frequentes

Quer saber se reúne as condições para se candidatar a uma posição na Securitas? Consulte aqui as questões mais frequentes relacionadas com o acesso à carreira de vigilante, em Portugal.

1 - Como posso candidatar-me a um emprego ou inscrever-me no Curso de Formação Inicial de Vigilantes, na Securitas Portugal?
a) Pode submeter a sua candidatura através do website www.securitas.pt/carreiras;
b) Através do e-mail securitas.recrutamento@securitas.pt;
c) Enviando a candidatura via postal para Direção de Recursos Humanos Securitas S.A., Rua Rodrigues Lobo, nº 2 - Edifício Securitas, 2799-553 Linda-a-Velha

2 - Qual a idade mínima e a idade máxima para trabalhar na função de Vigilante (M/F)?
A idade mínima é de 18 anos. A Securitas - Serviços e Tecnologia de Segurança S.A, analisa todas as candidaturas recebidas, não sendo motivo de exclusão a idade dos candidatos. 
Contudo, para emissão do cartão profissional, a Entidade que regula o sector da Segurança Privada, definiu a obrigatoriedade da conclusão da escolaridade obrigatória, seguindo as seguintes datas de nascimento:
Até 31 de Dezembro de 1966: 4.º ano de escolaridade;
Entre 1 de Janeiro de 1967 e 31 de dezembro de 1980: 6.º ano de escolaridade;
A partir de 1 de janeiro de 1981 e cuja matrícula seja anterior ao ano de 2009/2010: 9.º ano de escolaridade.
Para os alunos matriculados no ano de 2009/2010 em qualquer ano escolar do 1.º e 2.º ciclos ou no 7.º ano de escolaridade: 12.º ano de escolaridade.


3 - Os cidadãos estrangeiros podem exercer funções na atividade de Segurança Privada, em Portugal?
Podem exercer funções na atividade de Segurança Privada os cidadãos portugueses, os cidadãos de um Estado -Membro da União Europeia, de um Estado parte do Acordo sobre o Espaço Económico Europeu ou, em condições de reciprocidade, de um Estado de língua oficial portuguesa. (Artigo 22º Lei da segurança Privada).
Devem também:
a) Possuir a escolaridade obrigatória;
b) Possuir plena capacidade civil;
c) Não ter sido condenado por sentença transitada em
julgado pela prática de crime doloso contra a vida, contra a
integridade física, contra a reserva da vida privada, contra o património, contra a vida em sociedade.


4 - Necessito de ter formação inicial na área da segurança, para ser vigilante na Securitas?
Sim, de acordo com a Legislação do Sector da Segurança Privada em vigor (Lei 46/2019 de 18 de Julho).


5 - Onde recebo essa formação inicial?
Nos centros de formação da Securitas, apenas são ministradas formações iniciais aos candidatos selecionados durante o período de recrutamento, para desempenho de funções na empresa.

6 – Onde estão localizados os centros de formação da Securitas?
Os centros de formação da Securitas localizam-se em Lisboa, Porto, Leiria (somente formações de atualização) e Portimão.


7 – Qual o horário da Formação Inicial de Vigilantes?
A formação decorre em horário laboral, das 09h00 às 18h00.


8 - Esta formação garante-me o acesso ao cartão profissional?
O processo de recrutamento tem várias fases e, uma delas, é a formação. Caso o candidato tenha uma avaliação positiva em todas as fases, e seja admitido, então será emitido o cartão profissional.


9 – Qual é o preço da Formação Inicial de Vigilantes?
A Formação Inicial de Vigilantes ministrada pela Securitas é gratuita. Todavia, se o colaborador não ficar um ano na empresa terá de reembolsá-la em 420 euros.

10 - A Securitas disponibiliza formação de reciclagem/atualização?
Sim, tendo em vista a preparação contínua de todos os Colaboradores, a Securitas disponibiliza formações de atualização.
Esta tem um total de 30 horas.

11 - Posso fazer o curso de Vigilante sem ficar agregado a nenhuma empresa?
Sim pode. Para tal, sugerimos que consulte o website do Sistema Integrado de Gestão de Segurança Privada (SIGESP), onde poderá consultar quais são as entidades habilitadas a dar a devida formação.


12 - Qual o horário de trabalho de um Vigilante?
O horário de trabalho de um Vigilante é de oito horas diárias, regra geral em regime de turnos, ou fixo.

13 - Posso optar por um trabalho em full-time, part-time ou temporário?
Sim, em função do interesse próprio e das disponibilidades da empresa.

14 – Qual o salário de um Vigilante?
O salário base de um Vigilante é de 796,19 euros, acrescido de subsídio de refeição de 6,06 euros, por dia de trabalho. O trabalho noturno é pago com acréscimo de 25%.

Podemos ajudar?

Entre em contacto connosco através deste formulário ou, se preferir, através do número 808 200 240.

Os seus dados pessoais serão tratados em conformidade com a nossa Declaração de Privacidade. Ao submeter o formulário está a consentir o processamento dos seus dados e a transferência destes para entidades da Securitas localizadas fora do Espaço Económico Europeu. 

An error has occurred while getting captcha image
Pedimos desculpa, mas não suportamos este browser. Para usufruir do nosso website tente usar um browser mais recente como o Chrome, o Safari, o Firefox ou o Edge.